GP José Pedro Ramirez é de Fletcher Internacional

Foto Planeta

Momento ápice do turfe uruguaio, o Gran Premio José Pedro Ramirez (URU-gr.I) foi disputado nessa quarta-feira (6), em Maroñas. Festa local para o alazão Fletcher, 4 anos, filho de Ecclesiastic e Fade Frisa (Fadeyev), de criação do Haras Don Alfredo e propriedade do Stud 3 de Enero. 

Conduzido por Luis Cáceres, Fletcher obteve êxito de bastante firmeza. No disco, o ganhador trazia 4 corpos e 1/2 à frente do brasileiro Oggigiorno (Pioneering), de criação do Haras Santarém. Múltiplo ganhador clássico local, Oggigiorno havia finalizado em quinto, nesse mesmo páreo, em 2015.

Princier (A Little Warm) foi o terceiro, enquanto que Guillermo Tell (Eyeofthetiger) chegou em quarto. No complemento do marcador, outro brasileiro: Uai So (Redattore), de criação do Haras Old Friends e propriedade de Juarez Morbini, que vinha de finalizar na segunda posição do GP Bento Gonçalves (gr.I).

Ganhador do Derby, Mi Centinela (Capitano Corelli), do Stud Duplo Ouro, finalizou em sétimo. Trasfoguero (Redattore), de criação do Haras São José da Serra, foi o sétimo. Já o uruguaio treinado no Brasil, Honesto (T. H. Approval), do Haras Phillipson, não foi apresentado.

Um dos mais regulares valores de sua geração (que acabou, por óbvio, ofuscada pelo brilho do tríplice coroado Sir Fever), Fletcher é preparado por Sandro Sánchez. Também ganhador do Clásico Criadores Nacionales (URU-gr.III), Fletcher precisou de 2:29.44.

ABCPCC

Entre em contatoEstamos esperando sua mensagem!