Devil Cat atropela forte para vencer o GP Joăo José e José Carlos de Figueiredo - G3 Gávea

Foto Gerson Martins

Em sua segunda performance após voltar a ser treinado no Vale do Itajara, Devil Cat atropelou forma irresistível para superar Last Hope e conquistar o Grande Prêmio João José e José Carlos de Figueiredo - G3. A carreira, atração maior da reunião deste domingo, 24 de setembro, no Hipódromo da Gávea, foi realizada em 1.600 metros, pista de grama leve e com 12 metros de cerca móvel.

Campo com apenas sete concorrentes e partida boa para todos os inscritos. Gargalo’s Hill’s assumiu a primeira colocação, mas logo Energia Icon e Kaxinguele apresentaram-se. Last Hope, Devil Cat, Verdi Giuseppe e Pain Naif eram os próximos. Ponteando como gosta, Gargalo’s Hill’s tinha dois corpos de vantagem para Kaxinguele e Energia Icon. O ganhador corria a frente apenas de Verdi Giuseppe e Paint Naif. Na grande curva, Energiqa Icon e Kaxinguele começaram a apertar o cerco contra Gargalo’s Hill’s e Last Hope veio na mesma esteira.

Em plena reta final, rapidamente Gargalo’s Hill’s esmoreceu. Kaxinguele e Energia Icon, esse com seu jóquei olhando para trás, assumiram as principais posições. Last Hope foi levado ao meio de pista e também progredia. Devil Cat começava seu tropel e Carlos Lavor já trazia o chicote na conhecida e temida “canhota”. Last Hope tomou a ponta, porém nem teve tempo de desfrutar da posição, pois Devil Cat surgiu com ação avassaladora, ultrapassou-o e rumou célere para o disco, dando, em grande estilo, o batismo nobre da farda da parceria entre os Beloch (Carlos, Marcelo e Bruno) e o turfman goiano Mauricio Roriz. Last Hope formou a dupla com Verdi Giuseppe (que havia derrotado Devil Cat em agosto, por pequena margem), Energia Icon e Kaxinguele fechando os lugares placar eletrônico.

Trazido do Centro de Treinamento Vale do Itajara sob a responsabilidade de Manoel Paulo (2º Gerente de Venâncio Nahid), Devil Cat é um 4 anos, filho de Drosselmeyer e Brave Lady, por Roi Normand, criado pelo Stud TNT e de propriedade para o Stud BL Roriz. Na sua terceira vitória, todas em carreiras do calendário clássico carioca – Classico Ghadeer (L.) e Prova Especial Super Power – em onze atuações, Devil Cat percorreu a milha em 1min35s53.

Transcrito JCB

Entre em contatoEstamos esperando sua mensagem!