Arrocha dita o ritmo no GP Linneo de Paula Machado - G1 Gávea

Foto Sylvio Rondinelli

Invicto nos dois quilômetros – no começo de setembro venceu o Clássico Sandpit - L, na mesma distância – e em evolução nítida e notória, Arrocha ditou o ritmo do Grande Prêmio Linneo de Paula Machado - G1 para assumir, de forma inconteste, a liderança entre os potros de 3 anos no turfe carioca. A carreira, o ponto alto da jornada deste domingo, 1º de outubro, e uma merecida homenagem a um homem que revolucionou o turfe no país, foi realizada em 2.000 metros, pista de grama macia.

Partida excelente para os 11 inscritos. Farroupilha Boy saiu na frente com Olympic Hanoi e Arrocha em seu encalço. Gran Cru, Olimpo, Jardim Oceânico, Bom Gosto, Sai da Frente, Soldier Of Mondesir, Montparnasse e El Zorro vinham a seguir. Na reta oposta, Olympic Hanoi e Arrocha partiram para cima de Farroupilha Boy. Aberto, Bom Gosto também progrediu. Arrocha tomou a ponta nos 1.400 metros e Olympic Hanoi não lhe deu trégua, bem como Bom Gosto.

Na hora da verdade do Grande Criterium, Arrocha entrou na frente e Bom Gosto muito próximo era o segundo. Olympic Hanoi e Farroupilha Boy corriam bastante perto, dando impressão. Arrocha levava em seu dorso Marcos Mazini, que aos poucos vem tentando retomar seu espaço no concorrido turfe carioca. Bom Gosto tinha boa ação e atacou duramente o ponteiro. Potro bom, valente e melhorando todo dia, Arrocha mostrou a resistência dos grandes campeões e mantendo a primeira colocação até o disco, em êxito consagrador. Bom Gosto, que deu algum trabalho no alinhamento e largou por fora de todos, formou a dupla em grande performance. El Zorro atropelou forte e mostrando regularidade ficou com o terceiro posto. Farroupilha Boy esmoreceu, mas ainda fez o quarto, com Olimpo fechando o placar remunerado.

Mantido em forma soberba pelo campeoníssimo e consagrado Roberto Solanés (sempre brilhando nas grandes provas), Arrocha é um 3 anos, filho de Pounced e Avon Lady, por Signal Tap, de criação e propriedade do Haras Estrela Nova, de Mario Barbosa, que estava exultante com os troféus sendo cumprimentado por todos os turfistas presentes ao hipódromo. Na sua terceira vitória, em cinco saídas, a segunda nobre e a primeira de G1, Arrocha parou os cronômetros em 2min02s77.

Transcrito JCB

Entre em contatoEstamos esperando sua mensagem!