Flight Time esbanja categoria na PE Daião Gávea

Foto Sylvio Rondinelli

Na Prova Especial em que o Jockey Club Brasileiro homenageou Daião, o único ganhador do GP Brasil criado no Rio de Janeiro, a vitória de um animal diferenciado é bem significativa. Flight Time impressionou em seu primeiro triunfo e voltou a fazê-lo vencendo este que foi um dos melhores páreos do final de semana de turfe na Gávea, disputado em 1.400 metros, pista de grama macia, com quatro metros de cerca móvel.

Voluntarioso, Kingvic saiu na dianteira, mas rapidamente Flight Time estava ao seu lado. Jamegão era o terceiro, com Faro Certo e Juan Manuel Fangio nas posições seguintes. Acompanhando o ritmo do ponteiro, mas sem sair do natural, Flight Time “esperava” a reta para o “bote final”.

Na hora da decisão, Flight Time partiu para cima de Kingvic com Ângelo Márcio Souza apenas acompanhando o galão e não exigindo a fundo seu pilotado. Quando o popular “Ceará” abaixou o corpo, Flight Time engrenou, passou por Kingvic e rumou firme para o disco, em êxito autoritário. Jamegão passou para segundo, superando Kingvic. Juan Manuel Fangio e Faro Certo chegaram a seguir.

Apresentado com a perfeição habitual pelo consagrado Roberto Solanés, Flight Time é um 3 anos, filho de Put It Back e Quanto Carina, por Wild Event, criado pelo Haras Santa Maria de Araras e defensor das sedas de Black Opal Stud. Na sua segunda vitória, em igual número de saídas, Flight Time parou os cronômetros em 1min21s87.

Transcrito JCB

Entre em contatoEstamos esperando sua mensagem!