Guanabara larga e acaba na PE Be Fair Gávea

Foto Sylvio Rondinelli

Em franca evolução, na sua terceira vitória consecutiva, Guanabara acaba de vencer a Prova Especial Be Fair. A carreira, uma celebração do Jockey Club Brasileiro à sua terceira Tríplice Coroada, foi realizada em 1.400 metros, pista de grama leve com quatro metros de cerca móvel.

Partida boa para as oito concorrentes. Guanabara e Fly To Lorenza saíram na frente e assumiram as primeiras colocações. Juju Popular, Risolutezza, Per-Piacere, Festa Pronta, Ébonitaébonita e Extraordinaria vinham depois. Guanabara e Fly To Lorenza seguiam mandando na competição e davam pinta de que decidiriam a sorte da competição.

Em plena reta final, logo a impressão de que as duas primeiras resolveriam a parada, confirmou-se. Fly To Lorenza partiu para cima de Guanabara, que resistia bravamente. Fly To Lorenza atirou-se para dentro, Gil corrigiu com o chicote na canhota e ajustou sua conduzida para o ataque decisivo. Guanabara tinha um corpo à frente, porém Fly To Lorenza engrenou, diminuiu a diferença, mas não em tempo de suplantar a rival. Vitória firme de Guanabara e bom segundo de Fly To Lorenza, que deu bastante trabalho aos seus dois seguradores no Paddock e ainda produziu destacada performance. Extraordinária, Festa Pronta e Risolutezza fecharam o placar remunerado.

Trazida do Vale do Marmelo em grande forma por Luiz Esteves e dirigida com competência por Luan Silva Machado, Guanabara é uma 3 anos, filha de Silent Times e Jolie Marcia, por Spend A Buck, criada pelo Haras Santa Rita da Serra e defensora do Stud Verde. Na sua terceira vitória, em oito saídas, Guanabara cobriu os 1.400 metros, em 1min22s66.

Transcrito JCB

Entre em contatoEstamos esperando sua mensagem!