Abrindo caminho para a Coroa, o invicto Flight Time vence o GP Estado do Rio de Janeiro - G1 Gávea

Foto Sylvio Rondinelli

Mostrando todo seu impressionante poderio locomotor e de ponta a ponta, Flight Time abriu o caminho para a Tríplice Coroa 2018 com vitória firme no Grande Prêmio Estado do Rio de Janeiro - G1 – 1ª Etapa da Tríplice Coroa de Produtos. A carreira, uma das atrações do domingo, 4 de fevereiro, foi disputada em 1.600 metros, pista de grama macia.

Voluntarioso e extremamente corredor, Flight Time já saiu das caixas mandando na competição. Juan Manuel Fangio, Arrocha, Or Noir, Red Spirit, Highlander Again, El Zorro e Quarteto de Cordas vinham depois. Em parcias impressionantes, Flight Time acelerava na frente e começava a tirar seus rivais do natural.

Na hora da verdade, Flight Time deu uma saidinha da cerca e seguiu mostrando o caminho a eles. Highlander Again, Juan Manuel Fangio e Arrocha tentavam de todas as formas aproximar-se do ponteiro. Porém, Ângelo Márcio Souza ainda mantinha-se tranquilo no comando de Flight Time. Nos 300 metros decisivos, exigido por seu piloto Flight Time respondeu plenamente e manteve a ponta até o disco. Arrocha e Quarteto de Cordas engrenaram para cima do ganhador, mas não em tempo de ultrapassá-lo. Os dois empataram na segunda colocação. Or Noir e Red Spirit completaram o placar.

Mantido em forma soberba pelo primeiro colocado na estatística de treinadores, Roberto Solanés, Flight Time é um 3 anos, filho de Put It Back e Quanto Carina, por Wild Event, de criação do Haras Santa Maria de Araras e propriedade de Black Opal Stud. Na sua quarta vitória, a segunda nobre e a primeira de G1, em igual número de saídas, Flight Time percorreu a milha em 1min32s08 (ficando a 72/100 do recorde de Bal A Bali – 1min31s36)

Transcrito JCB/Fernando Lopes

Entre em contatoEstamos esperando sua mensagem!