Na farra de Cifra e Delmar, Grécia Central comanda dobrada em listed Cidade Jardim

Foto Marília Lemos

Atravessando fase de resultados impressionantes, sobremaneira em provas do calendário clássico paulista, o Haras Cifra e o treinador Delmar Lima Albres encerraram tarde estupenda, da melhor maneira possível. Grécia Central, filha de Crafty C. T. e Grega, por Street Cry, de criação e propriedade do Haras Cifra, comandou dobrada da farda no Clássico Erasmo Teixeira de Assumpção - L, que deu números finais à sabatina (7/4) de Cidade Jardim.

Aproveitando o balizamento, Antônio Mesquita levou Grécia Central para o externo da raia, poucos metros após a partida. O mesmo fez Richiesta (Tiger Heart), que veio se juntar à adversária na briga pela ponta. Por dentro, Índia do Iguassu (First American) acionava ao lado de My Green (Holy Roman Emperor) e Kremlin (Roderic O’Connor) na busca do posto principal.

Terminado o prolongamento da reta de chegada, Índia do Iguassu destacou-se, dentre as competidoras que seguiam por dentro, ao passo que Grécia Central mantinha o vistoso ritmo, bem aberta. A dupla passou, então, a disputar o primeiro posto, enquanto que Richiesta tentava uma aproximação, em terceiro.

Nos últimos 150 metros, porém, Grécia Central definiu-se na primeira posição. Sua companheira de farda, Great Vista (Pioneering) passou, então, a atacar Índia do Iguassu, na briga pela segunda posição. Grécia Central venceu por 1 corpo e ¼ e Great Vista garantiu a dobrada da parelha de número 1. Índia do Iguassu (1 e ½) ficou com a terceira posição, deixando Party All Night (por Que Fenômeno, 1 e ¾) e Richiesta (2 e ½) no complemento do placar.

A seguir, Guayaquil, Jasmin Smell, Garota do Cambuci, Kremlin e My Green.

Além do já citado Delmar Lima Albres, dignos de menção honrosa seus pares de equipe, dentre os quais o veterinário Maurício Pontarolo – que além de Grand Amiga, Olympic Gulliver e de Grécia Central, presta seus serviços ao velocista Pensando Em Grana, outro vitorioso da tarde.

Grécia Central, dona de 6 vitórias em 13 saídas (incluindo o Clássico Presidente Luiz Alves de Almeida - L e as Provas Especiais Emabruk e Harmonia) assinalou tempo de 56.68.

Transcrito ABCPCC.

Entre em contatoEstamos esperando sua mensagem!